Softwares e Ferramentas

Modelos de Email Prontos para prospectar novos clientes

Criar templates de e-mail frio ou “cold mail” é uma das tarefas mais difíceis e importantes na hora de prospectar novos clientes. É através desse primeiro contato com a sua empresa que o lead irá decidir se vai ou não seguir com o processo de vendas.

Thiago Reis

Escrito por

Thiago Reis

, em

30/11/2021

.

Se tem algo que nós da Growth temos certeza, é de que escrever e-mails frios  pode ser uma tarefa desafiadora na maioria das vezes. Linha de assunto, comprimento, estilo de copy ou até mesmo o conteúdo apresentado são apenas algumas das variáveis que tornam  a execução de um e-mail de sucesso em uma arte complexa. 

É por isso que decidimos dar uma visão geral sobre e-mails de prospecção, seus elementos e como usá-los da maneira mais apropriada. 

Afinal, usar ou não usar e-mail?

Por muito tempo se pensou que o e-mail marketing estava morto. Afinal, a chegada estrondosa das redes sociais fez muitos profissionais reavaliarem se não haveriam outras formas de se conectar com seu público — alvo. Entretanto, provando o contrário do que muitos acreditavam, o e-mail não está apenas vivo como vem crescendo cada vez mais. 

Quer ver só?

Somente em 2021, 4,03 bilhões de pessoas usam o e-mail. E segundo especialistas, esse número pode aumentar até 4,48 bilhões até 2024. Nenhuma plataforma consegue, até hoje,  se igualar ao alcance potencial do e-mail. Por exemplo,  mesmo se pudéssemos juntar os 2,2 bilhões de usuários do Facebook ativos mensais com os mais de 1,1 bilhões de usuários do Instagram, isso não chegaria  ao número de pessoas alcançadas pelo e-mail. 

E não é só isso:  

  • Funcionários de empresa passam, em média, 13 horas por semena checando seus e-mails  — McKinsey & Company
  • 92% dos adultos ativos online utilizam email, sendo que 61% deles utilizam diariamente — Pew Research
  • 72% das pessoas preferem receber conteúdos promocionais por email do que via redes sociais. — MarketingSherpa
  • Uma mensagem é 5x mais provável de ser vista no email do que em redes sociais. — Radicati

Por que usar emails frios?

Se usado da maneira correta, o e-mail pode ser uma excelente ferramenta no processo de geração de leads e na busca por novos clientes. Além disso, vale destacar que: 

  • E-mails frios são uma excelente forma de sua marca ser vista. E-mails regulares e consistentes aumentam a probabilidade de sua empresa ou marca ser lembrada.
  • E-mails frios podem te ajudar a fazer networking;
  • Você pode criar um grupo de consumidores leais a partir de e-mails frios regulares;
  • Uma vez que você criou o seu primeiro bom e-mail frio, você pode lançar mão de automatizações para criar sua próxima campanha sem muito esforço;

Entretanto, é importante deixar claro que, quando o assunto é  prospecção e vendas em geral, não existe uma resposta exata ou uma fórmula mágica que vai te garantir 100% de resposta. 

Como já falamos aqui no blog, um bom processo de prospecção não é algo simples:  para ter mais resultados, é preciso focar na personalização, estruturação  dos seus e-mails e nos followups que você faz. 

Como fazer um template de cold email perfeito 

1. Escolha a pessoa certa

Usar a lista de emails correta é o primeiro passo para se obter uma alta taxa de respostas. É de extrema importância que você invista tempo e esforço na construção de uma lista de alta qualidade. 

Ao mandar para a pessoa errada ou que não possui poder de decisão, existe uma grande chance do seu email ser enviado para o departamento errado, arquivado ou até deletado. 

Além disso, existem diversas ferramentas disponíveis para te ajudar nesse processo, como linkedin, hunter.io, snov.io e  lusha, por exemplo.

2.Personalize!

Ninguém gosta de se sentir mais um na multidão, e isso também vale para as pessoas que estão lendo o seu email frio. 

Em uma caixa de mensagem ativa e altamente disputada, emails genéricos não costumam chamar muita atenção e acabam ficando para trás. Em contrapartida, um email personalizado demanda mais atenção e sem dúvida alguma irá se destacar no meio de tantos outros.  

No caso de templates, tente sempre customizar e os tornar únicos para cada receptor. De preferência, utilize o conteúdo personalizado no começo  do corpo do email. Dessa forma você estará surpreendendo o leitor e causado uma boa impressão logo de início. 

Deixe que a criatividade tome conta e os personalize nos últimos detalhes possíveis. 

3.Linha de assunto criativa e instigante 

Como foi mencionado anteriormente, a caixa de entrada de qualquer trabalhador é um lugar extremamente competitivo. No final do dia, uma linha de assunto pode ser o divisor de águas entre seu email ser aberto ou ser mandando para lixeira. 

Por essa razão, é fundamental que a sua linha de assunto capture a atenção do seu cliente e faça ele ter o desejo de abrir seu email. Aqui estão algumas dicas que você pode fazer para seu email ser notado:

  • Use o nome do seu cliente e o nome da empresa

Além de personalizar instantaneamente o seu email, ao adicionar o nome do cliente ou da empresa que ele trabalha você está gerando um interesse também. É um pequeno detalhe que pode fazer toda a diferença.

  • Faça uma pergunta;

Ao fazer uma pergunta na linha de assunto você também vai estar gerando interesse: ao ver a pergunta, o cliente vai imediatamente responde-la em sua cabeça, mesmo que inconscientemente. Além disso, é bom enfatizar que a pergunta deve sempre fazer referência ao conteúdo que será abordado no corpo do email. 

  • Não use uma linha de assunto longa; 

O tamanho de uma linha de assunto não precisa ser sempre curta. Porém, é importante que você mantenha as informações mais importantes no campo de visão do usuário, para poder gerar assim, o  interesse necessário. 

4.Mantenha a copy curta e fácil

Tente sempre manter seu email frio curto, direto ao assunto e fácil de ser compreendido. Vale lembrar que esse é seu primeiro contato com o prospect, e não é necessário explicar todo o background da sua empresa ou entrar em muitos detalhes. No email frio você precisa apenas se apresentar, dizer o porquê de estar entrando em contato e explicar como pode ajudá-los. 

Lembrem-se também de manter suas sentenças curtas, usar parágrafos corretamente, e utilizar acentuações e pontuações certas.  

  1. Tenha uma boa Call to Action

Normalmente, quanto mais opção você apresentar mais difícil de tomar uma decisão vai ser. Por isso, opte sempre por um CTA simples e eficiente no final do seu email. 

Além disso, o uso excessivo de links e anexos podem acabar marcando seu email como spam, jogando todo seu trabalho fora. 

5.Invista em uma assinatura 

Uma boa assinatura é como a cereja do bolo. É por meio delas que as pessoas vão poder checar seu conteúdo, empresa ou produtos antes de retornar seu contato. 

Tenha certeza que ela possui seu site, telefone, email e outras redes sociais que você julgue necessário para o seu negócio. Além disso, se puder, coloque  uma logo de sua empresa e certifique-se que as informações estão legíveis na fonte escolhida. 

Conclusão

E aí, depois desse conteúdo você já conseguiu entender tudo sobre e-mail frio  e seus elementos mais importantes?

Ah, não se esqueça: não existe uma fórmula mágica (infelizmente) para um e-mail frio perfeito ou uma taxa de resposta alta. O que fará a diferença é a personalização, estruturação dos seus e-mails ou templates e os  followups que seguirão. 

Para te ajudar nisso, vou disponibilizar para você um gerador de cold mail  que vai te ajudar muito na rotina de trabalho.

Thiago Reis

CEO da Growth Machine

Conteúdos que você pode gostar.

Receba nosso conteúdo
Obrigado! Sua inscrição foi recebida!
Ops! Algo deu errado ao enviar o formulário.